Overthinking: como evitar pensar demais e começar a agir

Tudo em excesso faz mal, isso você já sabe. O que talvez você não imagine é que até mesmo o ato de pensar, quando em demasia, pode ser prejudicial. O overthinking, como é chamada essa overdose de pensamentos, faz parte do cotidiano de muitas pessoas e é responsável por muitos problemas. No âmbito profissional, especialmente. 

O termo, usado pela primeira vez pela professora da Universidade de Yale, Susan Nolen-Hoeksema, surgiu para designar uma sobrecarga mental, um excesso de pensamentos que causam aflição e, pior: paralisam. É claro que todos pensamos o tempo todo, mas, os acometidos pelo overthinking, encontram grandes dificuldades em cessar o fluxo imaginativo e começar a agir. 

Em momentos de incertezas e ansiedade generalizada, como o que vivemos atualmente com a pandemia causada pela Covid-19, é mais comum se render aos pensamentos em looping. Mas é justamente nesses momentos que entrar em ação é necessário. 

Você também sente que o fluxo mental constante, por vezes, impede a ação? Continue lendo este artigo que logo você irá encontrar dicas para quebrar esse ciclo e começar a agir. 

Mentalidades pensante versus realizadora: como mudar o seu mindset? 

Imagine que por anos você trabalhou com afinco e, finalmente, será inserido em um grande projeto. Você sabe que esse trabalho pode ser um grande divisor de águas na sua carreira e essa perspectiva o empolga. Logo, começa a pensar sobre a sua participação e se questiona se, de fato, tem competência para integrar o grupo. Reflete também sobre a complexidade da função, a respeito do que pode dar errado e das consequências de não entregar o esperado. No meio de tantos pensamentos, o trabalho segue intocado.  

Provavelmente, você já passou por situações de ansiedade no trabalho e, quem sabe, até já tenha cedido às tentações da procrastinação. Mas, já se sentiu paralisado? Se a resposta for sim, bem-vindo ao grupo dos overthinkers. 

Especialmente em momentos de instabilidade, onde cada decisão deve ser calmamente ponderada e seus riscos analisados, é fácil deixar com que a mentalidade pensante domine a mentalidade realizadora. O medo do fracasso ou do erro não pode ser negligenciado e é legítimo, inclusive, também necessário para conter atitudes impulsivas. Mas não podem frear a ação.  

Saber o tempo certo do pensar é fundamental para não se deixar absorver pela inércia. Portanto, é preciso parar de pensar, em algum momento, e começar a agir. É claro que fazer isso demanda uma boa dose de autodisciplina e determinação. 

O primeiro passo, para sair da mentalidade pensante e se voltar à realização, é entender que ninguém nunca conquistou nada apenas com a força do querer. Todos os grandes feitos precisaram sair do papel ― e da mente ― para serem concretizados. Fazer é, sim, estressante e envolve riscos, mas é a única maneira de progredir. 

Abaixo, selecionamos algumas dicas que podem ajudar a sair do estado de fixação mental que tanto incomoda os overthinkers. 

Como vencer o overthinking e começar a agir? 

Como dito acima, vencer o círculo vicioso que o excesso de pensamentos causa exige comprometimento. Ao se perceber adiando decisões ou o início de trabalhos, coloque em prática as dicas abaixo.  

Encontre uma razão forte para agir 

Conseguir uma promoção, a sensação de dever cumprido, o seu nome em um projeto que realmente fez a diferença, não importa. É preciso que você encontre motivação para agir ou, então, corre o risco de ser “sugado” novamente ao overthinking. 

Certamente, junto aos pensamentos negativos e ansiosos, ocorreram também aqueles em que o sucesso era uma realidade possível. Faça uma lista com os pensamentos motivadores e mantenha essas anotações por perto. Tente fazer desses cenários a razão que você precisa para entrar em ação! 

Entenda que não existe solução perfeita 

Um dos motivos mais comuns do overthinking é a busca pela solução perfeita. Não importa qual problema esteja enfrentando, a ação só irá ocorrer quando você estiver convencido de que ela é irretocável. O problema é que isso nunca irá acontecer, uma vez que a resposta perfeita nem sempre existe. 

Para isso, quando se encontrar pensando demais em como agir, anote em um papel duas saídas prováveis para o dilema. Atente que falamos em prováveis. Fazer isso pode não solucionar a questão, mas faz com que você quebre a inércia e dê um passo em direção à realização. 

Delimite o tempo dedicado ao pensamento 

Se está difícil deixar de pensar em algum problema, estabeleça um tempo para dedicar-se a ele. Essa dica serve também para quem se perde pensando no futuro. Quando nos dedicamos a refletir sobre o rumo do mundo e da sociedade, é tentador evoluir para um cenário catastrófico.  

Em tempos de ansiedade generalizada por conta do coronavírus, quem sofre com o overthinking deve também limitar seu acesso diário às notícias relacionadas à pandemia. Estabeleça blocos de informação ao longo do dia. Acompanhar o desenrolar dos fatos, além de angústia, traz ainda mais material para deixar a mente agitada.  

Coloque as palavras para andar 

Este conselho vem da sabedoria indígena. Segundo ela, quando você não termina algo que se propôs a fazer, o fio da realização não se conecta a nenhum ponto, ficando solto ao seu lado. Ao longo da vida, todos os fios não conectados se acumulam, se atando aos pés e impedindo a pessoa de caminhar. Para os índios, a palavra é uma forma de se comprometer com o universo. 

Como isso pode ajudar a vencer o overthinking? Experimente se comprometer, de verdade, com o que você deseja realizar, conversando com outras pessoas a respeito. Fale, em voz alta, os seus planos. Verbalizar é uma ferramenta de comprometimento poderosa e pode ser a mola propulsora da mudança. 

Nem sempre, vencer o overthinking é fácil. Entenda que o pensamento excessivo em momentos de estresse coletivo é comum, mas, se ele vem impedindo a tomada de decisões, é um problema que merece atenção. Insegurança, timidez e ansiedade exacerbada também são razões que levam muitos a postergar a ação. 

Fonte: Portal Dale Carnegie.



Fonte: https://portaldalecarnegie.com/overthinking-como-evitar-pensar-demais-e-comecar-agir/

0

Start typing and press Enter to search

Comunicado

Comunicamos aos nossos clientes e parceiros que a partir de Agosto de 2020 o atendimento presencial em Jundiaí se dará no seu novo endereço:

Rua Tenente Ary Aps, 199, Vianelo CEP 13.207-110.

 

Em virtude do COVID-19 e em respeito aos normativos das autoridades, estamos seguindo os protocolos sanitários, sendo obrigatório o uso de máscaras em nosso estabelecimento.

 

Equipe Vitiello Contábil (Consultec/Independência)