Negocio digital: Confira dicas para se fortalecer e continuar crescendo mesmo durante a crise

A crise econômica e sanitária causada pela pandemia do coronavírus fez com que muitas empresas fechassem as portas, mas, ao mesmo tempo, alguns empreendedores conseguiram se reinventar e até crescer neste momento.

O que podemos afirmar é que o mundo dos negócios jamais voltará a ser o mesmo de um ano atrás. O online ganhou ainda mais força e hoje é quase impossível não ter nenhum tipo de presença digital.

Para ajudar quem deseja empreender com mais qualidade e aumentar a presença no online, a Non Stop, maior agência de influenciadores digitais da América Latina, lista cinco dicas que permitirão à sua empresa continuar crescendo, mesmo durante a crise.

Fortaleça a sua presença online

Para alcançar o cliente, é necessário estar onde a maior parte das pessoas passam o seu tempo. Com o isolamento social, o consumidor se retrai e passa boa parte do tempo dentro de casa e navegando na internet.

Por isso, estude o público que deseja atingir e esteja na maior quantidade possível de lugares, desde redes sociais e plataformas de pesquisa a sites e e-mail marketing.

Plataformas de venda

Se você possui a sua própria loja virtual e começou a vender 100% online, saiba que é necessário estar presente também nos marketplaces.

Apenas no ano de 2020, os marketplaces foram responsáveis por 78% das vendas do e-commerce brasileiro, de acordo com dados da Ebit/Nielsen.

Avalie quais marketplaces atendem suas necessidades e alcançam o seu público-alvo e não poupe esforços para vender, aumentar a sua reputação e faturar cada vez mais.

Aplicativos de delivery

Caso você possua maneiras de se organizar e começar a entregar seus produtos e/ou serviços, não esqueça dos apps de delivery.

Muitos empreendedores resistem ao modelo, já que demanda muita organização e flexibilidade, porém, é uma excelente estratégia para aumentar as vendas e fidelizar novos clientes.

Avalie seus custos

Em um momento de crise econômica, é fundamental que você conheça e seja capaz de avaliar os custos atuais da sua empresa.

Assim, será mais fácil de avaliá-los e decidir quais são realmente imprescindíveis. Dessa forma, você conseguirá priorizar o que realmente importa e reduzir ou cortar custos do seu negócio.

Negocie com fornecedores

Após avaliar todos os custos fixos que possui, vá atrás de fornecedores que considera imprescindíveis para a sua empresa e tente negociar um novo valor, ou quem sabe um prazo mais flexível para realizar os pagamentos.

Desta maneira, você ganhará tempo para se organizar, além do fôlego necessário para manter em dia aqueles pagamentos que não podem ser reduzidos ou adiados.

Fonte: Rede Jornal Contábil .

0

Start typing and press Enter to search